A Autobahn Motors inaugurou em Singapura um prédio de 15 andares que serve de amostra, entre Ferraris e Lamborghinis, passando por Bentleys, dentre outros 60 modelos de luxo usados.

A primeira máquina gigante de venda automática (‘vending machine’ no original) do Mundo tem na base da sua criação um problema de espaço. Ou melhor, a falta dele. E os preços elevados por metro quadrado praticados em Singapura.

“Precisávamos de encontrar mais espaço para expor os nossos automóveis e, ao mesmo tempo, queríamos ser criativos e inovadores”, justificou Gary Hong, diretor geral da Autobahn Motors em declarações à Reuters.

Além de uma montra feita vidro (a estrutura é em aço) e muita luz, a semelhança com uma máquina de venda automática não se fica por aí: se um cliente quiser comprar um dos veículos expostos, bastará para tal selecionar o modelo num ecrã digital colocado no rés do chão e, passado poucos minutos – através de um sistema de recolha automática o comprador terá o carro à sua disposição.

Vejam o vídeo: